Busca no Blog

22 de março de 2021

 THESOURO DE PACIÊNCIA

DA COROAÇÃO DE ESPINHOS

MEDITAÇÃO III


Coroado o Senhor com esta coroa de ludibrio, lhe puseram nos ombros uma purpura velha, e por escárnio lhe meteram na mão uma cana. Eis aqui as insígnias com que apareceu publicamente no mundo o Rei da glória. Quem imaginaria semelhante passo da Providência do Altíssimo! E que consentisse o Padre Eterno que assim fosse iludido seu Unigênito Filho! E que deste modo zombassem do Omnipotente os vis bichinhos da terra! Alma minha se neste mundo te vires desprezada e escarnecida; se vires que o mundo troca em ludibrio teu o que tu esperavas que te servisse de coroa de glória, cala-te; pois á vista deste sucesso, não tens a mínima razão para queixar-te. Que quer dizer honra do mundo por comparação da honra do Omnipotente? Que quer dizer nobreza do sangue, se a comparamos com ser Filho do Eterno Deus? Que quer dizer ciência humana, á vista da sabedoria incriada; ou como podes falar em mando, senhorio, coroas e cetros do mundo, olhando para o domínio e coroa do mesmo Rei da glória? E com tudo isto, bem vês que este Senhor assim se deixa escarnecer e ultrajar de quatro homens ridículos e vilíssimos: e tu, que és pó e cinza; tu, que és pecado, abominação e miséria; tu, que és uma animada podridão desde o ventre materno até á sepultura, como podes lembrar-te dessas aparentes grandezas, que talvez gozavas no mundo Ou como podes queixar-te de que te pisem, escarneçam e zombem de ti, quando assim zombaram do todo poderoso Deus. Ora põe-te defronte de Jesus Cristo neste Passo, olha bem para Ele, e aprenderás a ter sofrimento.

JACULATORIA 

 Quem sou eu, meu Deus, para sentir os desprezos, quando Vós assim fostes desprezado?

Nenhum comentário:

Postar um comentário