Busca no Blog

25 de julho de 2016

Casamento e Família - Dom Tihamer Toth.

Conferência XVI


Parte 5/10


Considerai, enfim, a advertência da Sagrada Escritura: "Acaricia o teu filho, e ele te fará tremer... Não lhe dê toda a liberdade na juventude, e não feches os olhos às loucuras" (Ecli 30, 9-11).
Mas se o filho se obstina, e não escuta a voz da sabedoria, então lembrai-vos do provérbio: "Os navios e as crianças são governados por detrás" e ainda deste outro provérbio: "A pancada infligida a propósito é muitas vezes mais eficaz para o filho que uma centena de sermões"; e enfim este terceiro provérbio: "É melhor que o filho na juventude chore por causa dos pais do que os pais chorarem por causa dos filhos, quando eles crescerem".
Justamente nesta questão, a Sagrada Escritura não é tão sentimental como certos métodos pedagógicos atuais. Como a Sagrada Escritura sabe que a estultícia é inerente ao coração da criança (Prov 22, 15), ela diz claramente aos pais: "Aquele que ama seu filho não lhe poupa a vara" (Ecli 30, 1). O cavalo indômito torna-se intratável; o filho entregue a si mesmo torna-se insolente" (Ecli 30, 8); "Aquele que poupa a vara odeia o seu filho; se lhe bates com a vara livrarás sua alma da região dos mortos" (Prov 23, 13-14). "A vara e a correção dão a sabedoria, mas o filho abandonado aos seus caprichos envergonha a sua mãe" (Prov 29, 15).

Nenhum comentário:

Postar um comentário