Busca no Blog

5 de maio de 2016

Tesouro de Exemplos - Parte 103

NOBRE E ALTIVA RESPOSTA

Numa perseguição religiosa na China, foi preso e conduzido à presença do mandarim um moço cristão, chamado Paulo Moi.
O magistrado, fortemente impressionado com a fisionomia gentil e graciosa do jovenzinho, empregou todos os esforços para faze-lo apostatar da fé.
Vendo que tudo era inútil, ofereceu-lhe como prêmio uma barra de prata para renunciar á fé crista.
— Obrigado, mandarim, disse Paulo, uma barra não basta.
— Bem; eu te darei uma barra de ouro.
— Ainda não basta.
— Quanto desejas, então, miserável?
— Grande mandarim, se desejas que eu renuncie à minha fé, deveis dar-me o que vale a minha alma; e para isso, todo o teu ouro é pouco.
Alguns dias depois, Paulo foi decapitado. Preferiu perder a vida a perder a alma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário