Busca no Blog

14 de julho de 2017

Retratos de Nossa Senhora, Juan Rey, S. J.

Nossa Senhora Jovem

                                                           À Luz da Tradição

Parte 4/7

Não só os olhares e as palavras, todo o porte do corpo era uma cópia da alma da Santíssima Virgem.
Como a sua alma estava em ordem e equilíbrio perfeito, por isso ninguém observou um gesto menos modesto nas suas ações.
Como a sua alma era tão reta e sensata, ninguém notou no seu corpo nenhuns ademanes de leviandade.
Falar de posições indecorosas tratando-se da Santíssima Virgem equivaleria a uma blasfêmia.
Quem tivesse contemplado aquela jovenzinha pelas ruas de Jerusalém e de Nazaré, simples, natural, mas ao mesmo tempo tão digna, tão reservada!
Que necessidade têm de olhar para esse modelo as nuvens de raparigas que de quando em quando aparecem pelas ruas, lançando risadas estrepitosas e atraindo os olhares de todos pela sua falta de compostura!
Que necessidade têm de olhar para esse modelo as jovens de mais idade e de malícia mais refinada, que estudam meticulosamente a arte de andar e de rir e de olhar e de vestir, para levantar nos que as encontram tempestades de paixão!

Nenhum comentário:

Postar um comentário