Busca no Blog

8 de março de 2018

Retratos de Nossa Senhora, Juan Rey, S. J.,

RETRATOS DE NOSSA SENHORA

Nossa Senhora Mulher


Parte 5/6

Outra qualidade muito feminina que se pode empregar para o bem ou para o mal, é a força de persuasão que Deus deu à mulher: a habilidade para conseguir o que deseja.
Com que simplicidade e com que habilidade maravilhosa, a Virgem Santíssima consegue de seu filho, não só que faça o milagre, mas que adiante a hora de fazer os milagres. E consegue-o apesar da forte repulsa que parece ter-lhe mostrado Jesus.
Condição muito própria das mulheres. A mulher tem um poder irresistível sobre a vontade do homem. A que se deve essa força? A um conjunto de circunstâncias.
Por parte do homem, há certo galanteio e carinho e superioridade que gosta de proteger e teme desgostar.
Por parte da mulher a insinuação carinhosa, a insistência e, como argumento supremo, as lágrimas.
O homem fica desarmado ante as lágrimas de uma mulher, quando são razoáveis. Magnifica condição esta, se se emprega para o bem; terrível, se é empregada para o mal. Eva empregou-a para arrastar seu marido ao pecado e acarretou a ruína a toda a humanidade.
 Maria emprega-a para fazer bem aos homens.
Como mulher que és, também tu possuis essa força de persuasão, e essa arte de render vontades; porém não a empregues para o mal; não utilizes essa arma para te ferires e ferires os mais.
Jovem, não empregues essa qualidade para tirares dinheiro aos teus pais, para o gastares em caprichos e vícios. Não a empregues para conseguir deles que te levem ou te deixem ir a sítios de pecado, ou para que te comprem vestidos provocantes com que faças pecar os mais.
Se és noiva, não empregues essa qualidade para arrastar o noivo a lugares de diversão onde tenha de gastar dinheiro que não tem.
Se és esposa, não a empregues para convencer o teu marido a comprar-te vestidos caros e a levar-te a divertimentos, que não correspondam à tua posição social, porque o levarás a necessidade de roubar para satisfazer os teus caprichos.
Não empregue essa qualidade para conseguir que te leve a bailes e diversões onde possa afrouxar o laço que une os vossos corações e ponha em perigo a felicidade conjugal.
Em quantas coisas a podes empregar bem!
Emprega-a em levar as almas a Deus...
Jovem, tens um irmão ou uma irmã que começa a extraviar-se; podes fazer com que voltem ao bom caminho. Tens um pai que vive afastado da igreja; tu podes levá-lo a pouco e pouco a Deus. Acaso é a tua própria Mãe que esta afastada; devendo ser ela a ajudar-te, tens de ser tu a ajudá-la a ela. O teu noivo não é irreligioso, senão devias deixá-lo; mas anda um pouco descuidado; e tu podes ir avivando nele o fogo que esta debaixo da cinza. 
Mulher casada, o teu marido era bom, amigo do lar; porém um grupo de amigos afasta-o da igreja e da casa. Arrastam-to pouco a pouco. Emprega essa bela qualidade para prendê-lo.
Mulher, quem quer que sejas:
Há muitas almas que vivem em pecado; a sua vontade esta muito presa ao vício e necessitam uma força muito poderosa para quebrar essa cadeia. Tu podes consegui-lo, para isso deu-te Deus a força da persuasão. Há necessidade de realizar muitas obras de caridade e para elas são necessários recursos; emprega a tua habilidade de render vontades em cativá-las para que socorram os necessitados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário