Busca no Blog

3 de outubro de 2015

Catecismo Ilustrado - Parte 64

Os Pecados

A Avareza – A Luxúria – A Gula

A Avareza

1. A avareza é um amor desordenado dos bens temporais, principalmente do dinheiro.
2. Os sinais da avareza são: 1º o desejo inquieto e desmedido de adquirir bens temporais; 2º buscá-los por meios injustos; 3º ou não os gastar no que é preciso.
3. Os efeitos e principais pecados de que a avareza é causa são: 1º o esquecimento de Deus; 2º a dureza para com os pobres; 3º a insensibilidade pela própria conservação; 4º a velhacaria e a injustiça.
4. A avareza é um grande pecado. São Paulo diz que os avarentos não hão de entrar no reino dos Céus.
5. Os pobres podem ser avarentos, porque este pecado consiste também no desejo desmedido dos bens temporais.
6. A virtude oposta à avareza é a liberalidade, virtude pela qual se gasta moderadamente a própria riqueza.
7. Os remédios principais contra a avareza são: 1º lembrarmos que Nosso Senhor foi pobre; 2º a lembrança da morte que há de despojar-nos de todos os nossos bens; 3º a esmola aos pobres, segundo as nossas posses.

A Luxúria

8. A luxúria é um apetite desordenado dos prazeres sensuais; é o vício vergonhoso da impureza condenado pelo sexto mandamento.
9. Os efeitos e principais pecados de que a luxúria é causa são: 1º o ódio contra Deus; 2º o esquecimento dos deveres de cristão; 3º a cegueira do entendimento; 4º a dureza do coração; 5º a impiedade.
10. A virtude oposta à luxúria é a castidade, virtude com que se refreia e doma a carne rebelde.
11. Os remédios são: a oração, a modéstia, a mortificação e a oração à Santíssima Virgem, Nossa Mãe.

A Gula

12. A gula é um gosto desordenado de comer e beber mais do que é necessário.
13. Os principais pecados de que a gula é causa são: a embriaguez, a sensualidade, os descomedimentos, as blasfêmias e as rixas.
14. A embriaguez voluntária é um pecado mortal porque priva o homem do uso da razão, desfigura nele a imagem de Deus, tornando-o semelhante aos brutos, e porque o expõe a toda a espécie de crimes e desordens.
15. As virtudes opostas à gula são a temperança e a abstinência. A abstinência é uma virtude pela qual se refreia o apetite desordenado de comer e de beber em demasia.
16. Os remédios contra a gula são: 1º rezar antes e depois das comidas; 2º praticar algumas mortificações nas mesmas comidas; 3º evitar as tabernas e as pessoas que a elas nos poderiam levar.
17. A gula, disse o Espírito Santo nas Escrituras Sagradas, matou e mata mais gente do que a espada.

Explicação da gravura

18. São três as gravuras. A primeira representa a Judas vendendo Jesus Cristo por trinta dinheiros.
19. A segunda mostra-nos o filho pródigo guardando os porcos.
20. A terceira representa Esaú que, chegando cansado da caça, vende a Jacob o seu direito de primogênito (o morgado) por um guisado de lentilhas.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário