Busca no Blog

20 de janeiro de 2018

Tesouro de Exemplos - Parte 441

FOI ALI QUE ENCONTREI A PAZ

Pregava S. Francisco de Assis em São Severino e descrevia magistralmente a fealdade da alma pecadora e a beleza da alma justa. Entre os ouvintes encontrava-se Guilherme Divini, famoso trovador que fora coroado Rei do verso rio Capitólio. As palavras do humilde e seráfico S. Francisco calaram profundamente no coração do poeta. Após o sermão, Guilherme foi prostrar-se aos pés de São Francisco, e dirigiu-lhe este pedido: “Frade santo, conduz-me para longe dos homens e consagra-me a Deus. Tira-me as vestes do mundo e cobre-me com as vestes do paraíso!”
Pouco tempo depois o Santo vestia o trovador com o hábito pobre da Ordem Franciscana e dava-lhe o nome de “Frei Pacífico”, porque havia, finalmente, encontrado a paz que tanto desejava.
É na confissão que o pecador, pela absolvição do confessor, despe as vestes imundas do pecado e cobre-se com a veste cândida da graça divina. E só então encontra a verdadeira paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário