Busca no Blog

4 de janeiro de 2017

Tesouro de Exemplos - Parte 246

COMO GRANDES HOMENS HONRAVAM O SACERDOTE

O imperador Constantino disse certa vez: “Aos sacerdotes compete julgar os imperadores, não aos imperadores julgar os bispos”.
Carlos Magno, quando se encontrava com algum sacerdote, apeava de seu cavalo, descobria-se e beijava a mão do ministro de Deus.
Carlos V, imperador, estando a ouvir um sermão, viu de pé, ali perto, o P. Frei Domingos de la Cruz, embaixador. do México. Levantou-se o monarca, ofereceu ao religioso a sua cadeira; e como este a recusasse cortesmente, o imperador permaneceu em pé até que trouxessem outra cadeira para o sacerdote sentar-se ao seu lado.
Também o rei Boleslau honrava de tal modo aos sacerdotes, que não se atrevia a sentar-se na presença deles.
Canuto, rei da Dinamarca, ordenou aos grandes de seu reino, que cedessem sempre o lugar de honra aos sacerdotes.
Lamatirne escreve: "O respeito ao sacerdote é sinal do respeito interior que toda alma religiosa tem à Divindade. É que esses homens vivem em comunicação mais íntima com o infinito”

Nenhum comentário:

Postar um comentário