Busca no Blog

8 de dezembro de 2015

Tesouro de Exemplos - Parte 16

O SENHOR PODE PERDOAR-ME OS PECADOS?

Um conhecido comerciante luterano de uma cidade do Norte adoeceu gravemente. Mandou chamar o pastor protestante e disse-lhe:
— Senhor pastor, o senhor pode perdoar-me os pecados?
— Não se perturbe, senhor, fique tranquilo: Deus já lhe perdoou tudo.
— Não pergunto se Deus já me perdoou; pergunto se o senhor pastor tem o poder de perdoar os meus pecados.
— Ah! isso eu não tenho, respondeu o pastor.
— Sinto muito, senhor pastor. Sempre fui um protestante crente, e li com confiança a Bíblia. No Evangelho de S. João li que Nosso Senhor disse aos Apóstolos: “Recebei o Espirito Santo: a quem perdoardes os pecados, serão perdoados, e a quem os retiverdes, serão retidos”. Ora, se o senhor pastor não pode perdoar os meus pecados, é claro que não estamos na verdadeira Igreja de Cristo. Dito isto, despediu o pastor. Logo depois manda chamar um sacerdote católico, o qual, ao entrar no quarto, é recebido com estas palavras:
— Senhor Padre, o senhor pode perdoar os meus pecados?
— Posso, sem dúvida; mas o senhor é protestante!...
— E se eu me fizer católico, poderia?
— Sem dúvida alguma.
— Peço-lhe então que me receba na Igreja Católica: quero morrer na Igreja de Cristo, e com o perdão dos meus pecados.
Foi instruído nas verdades católicas, fez a abjuração diante de toda a família e a profissão solene de fé católica. Em seguida recebeu os últimos sacramentos da Igreja e morreu feliz. (Muzzatti II, 214).

Nenhum comentário:

Postar um comentário