26 de dezembro de 2015

Aniversário do Blog São Pio V - 7 (sete) anos de Publicação

Prezados Leitores, Salve Maria!

Estou repetindo a publicação abaixo, pois a mesma tornou-se um marco para os Católicos Fiéis de Curitiba. 
No dia 26/12/2008, um dia após o Santo Natal, efetuamos a primeira publicação em nosso blog.
A publicação foi de autoria do Marcos V. Mattke, atualmente Seminarista do Instituto do Bom Pastor - IBP na França.
Depois da primeira, já atingimos um total de 4.134 publicações, com a média de uma publicação diária nos  últimos 7 (anos).
Não podemos esconder nossa alegria, mas não seria possível manter o blog sem os fiéis leitores do mesmo. Leitores que nos motivaram a manter o blog ativo, mesmo diante de tantas dificuldades e obstáculos.

No entanto, o maior motivo de estarmos ativos nos últimos 7 (anos) está no amor que nutrimos pela Santa Igreja Católica Apostólica Romana e pela Missa Tridentina. Também sabemos que estamos firmes ainda, mesmo diante de um mar revolto, pela graça de Nosso Senhor Jesus Cristo, pela proteção de nossa Querida Mãe Santíssima, por nosso padroeiro São Pio V e todos os Santos no céu.

Dedicamos essa publicação para todos que amam verdadeiramente Nosso Senhor Jesus Cristo, que um dia aceitou encarnar-se em Maria Virgem e nascer em um estábulo, para libertar os homens das garras do demônio, caídos em função do pecado de nossos primeiros pais.

Como presente, pedimos as orações de todos os nossos leitores, para continuar com tal apostolado e que tudo no blog seja feito apenas para agradar a Nosso Senhor Jesus Cristo, nosso Salvador.

Um grande abraço em Cristo Nosso Senhor

Blog São Pio V

===================================================================


Statio ad Ss. Duodecim Apostolos



Dominica II classis, sumiduplex, colore violacei



1 - Introito (Isaias XLV, 8)

Derramai, ó Céus, das alturas o vosso orvalho e que as nuvens chovam o Justo; abra-se a terra, e brote o Salvador. Os Céus proclamam a glória de Deus, e o Firmamento anuncia as obras de suas mãos. Glória ao Pai (...)
Rorate, coeli, désuper, et nubes pluant justum: aperiátur terra, et gérminet Salvatórem. Ps. 18, 2. Coeli enárrant glóriam Dei: et ópera mánuum ejus annúntiat firmaméntum. 
Glória Patri (...)



2 - Oratio

Excitai, Senhor, vosso poder e vinde e socorrei-nos com a vossa grande força para que, com o auxílio da vossa graça, vossa misericordiosa indulgência acelere o que os nossos pecados demoram. Vós que Viveis e reinais (...)
Excita, qusumus, Dómine, poténtiam tuam, et veni: et magna nobis virtúte succúrre; ut per auxílium grátiæ tuæ, quod nostra peccáta præpédiunt, indulgéntiæ tuæ propitiatiónis accéleret: Qui vivis et regnas (...)



3 - Epistola (I Cor IV, 1-5)

Irmãos: Assimnos julguem os homens, como a ministros de Cristo e dispensadores dos Mistérios de Deus. Ora, exige-se dos administradores que seja encontrado fiel. A mim, no entanto, pouco se me dá de ser julgado por vós ou por qualquer outro tribunal humano; nem, tão pouco, a mim mesmo me julgo. Embora em nada me sinta culpado, nem por isso me tenho por justificado: quem me julga é o Senhor. Portanto, não julgueis antes do tempo, atéque venho o Senhor: que iluminará as coisas escondidas nas trevas, manifestará os segredos dos corações; e, então, cada um terá de Deus o seu louvor. Deo Gratias.




4 Graduale et Alleluja (Ps. CXLIV, 18 et 21)

O Senhor estáperto dos que O invocam, de todos os que O invocam na verdade. A minha boca cantará os louvores do Senhor; todo o homem bendiga o Seu nome.

Aleluia, aleluia. Vinde Senhor e não tardeis, perdoai os crimes de Israel vosso povo. Aleluia.

Prope est Dóminus ómnibus invocántibus eum: ómnibus, qui ínvocant eum in veritáte. Laudem Dómini loquétur os meum: et benedícat omnis caro nomen sanctum ejus.

Allelúja, allelúja. Veni, Dómine, et noli tardáre: eláxa facínora plebis tuæ Israël. Allelúja.




5 - Evangelium(Lc III, 1-6)

No décimo quinto ano do império de Tibério César, governando Pôncio Pilatos a Judéia, sendo Herodes tetrarca da Galiléia, seu irmão Filipe, tetrarca de Ituréia e da província de Traconites, e Lisânias tetrarca da Abilínia, sendo Anãs e Caifás príncipes dos sacerdotes, foi a palavra do Senhor ouvida no deserto por João, filho de Zacarias. E veio por toda a região do Jordão, pregando o batismo da penitência e da remissão dos pecados, como está no Livro das palavras do profeta Isaías: Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas. Todo vale se encherá, e todo monte e colina serão abaixados: os caminhos tortuosos tornar-se-ão retos e os ásperos, planos; e todo o homem veráo Salvador enviado por Deus. Laus tibi Christe.



6 - Offertorium (Lc I, 28)

Ave Maria, cheia de graça, o Senhor éconVosco, bendita sois Vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre.
Ave María, gratia plena; Dóminus tecum: benedícta tu in muliéribus, et benedíctus fructus ventris tui.

7 - Secreta

Pedimos-Vos, Senhor, que, aplacado, olheis para os sacrifícios presentes, a fim de que eles aproveitem à nossa devoção e salvação. Por Nosso Senhor Jesus Cristo (...)
Sacrifíciis præséntibus, qusumus, Dómine, placátus inténde: ut et devotióni nostræ profíciant et salúti. Per Dóminum (...)

9 - Communio (Is VII, 14)

Eis que uma Virgem conceberá e dará à luz um filho: e o seu nome será Emanuel.
Ecce, Virgo concípiet et páriet fílium: et vocábitur nomen ejus Emmánuel.

10 - Postcommunio

Recebidos os dons sagrados, pedimos, Senhor, que com a participação deste mistério, aumente o efeito da nossa salvação. Por Nosso Senhor Jesus Cristo (...)


Sumptis munéribus, qusumus, Dómine: ut, cum frequentatióne mystérii, crescat nostræ salútis efféctus. Per Dóminum (...)




EUCARISTIA



A EUCARISTIA, NOSSA VIA

Eu sou o Caminho, a verdade e a Vida (Jo XIV, 6). Nosso Senhor proferiu estas palavras quando ainda no mundo, mas elas têm um alcance maior que a Vida humana do Salvador. São palavras que não passam, e no Santíssimo Sacramento Ele as poderá sempre afirmar com a mesma segurança. Há caminhos fictícios, atalhos na vida espiritual, estradas que podemos seguir durante algum tempo para largá-las em seguida. Nosso Senhor, no Santíssimo Sacramento, é a via estável. É o meio, é o modelo, porque de pouco interesse nos seria conhecer o caminho, se Ele não nos ensinasse, com seu exemplo a segui-lo.
Só se chega ao Céu pela participação àVida de Nosso Senhor, Vida essa que nos foi transmitida em germem no Batismo. Os sacramentos fortificam-na, mas ela consiste essencialmente na prática e na imitação das virtudes do Salvador. É-nos necessário verNosso Senhor obrando, a fim de imitar-lhes as virtudes; segui-lo minuciosamente nos sacrifícios e nos trabalhos que estas exigem para poder reinar em nós. Suas virtudes são suas palavras aplicadas, são seu preceito posto em ação. Para alcançar a perfeição, é mister pormenorizá-las, pois só será perfeito o que for particularizado.
O Verbo eterno, querendo levar-nos ao Pai, e não podendo no Céu praticar as virtudes humanas todas implicam uma idéia de combate e de sacrifício , fez-se Homem. Empregou nossos instrumentos e trabalhou sob nossos olhares. E já que no Céu, para onde ascendeu glorioso, não pode mais praticar as virtudes de paciência, de pobreza, de humildade, querendo continuar a ser nosso modelo, fez-se Sacramento. Tais virtudes, não procedendo mais da liberdade, não podem constituir para Ele atos meritórios. Mas delas se revestiu, assumindo-lhes o estado.
Outrora praticava os atos dessas mesmas virtudes; hoje toma-lhes exteriormente o estado. Na terra foi humilde e humilhado; hoje reina glorioso, mas no Santíssimo Sacramento, assume um estado, uma aparência de humildade. Ao contemplá-lo, vemos suas virtudes e sabemos como lhes devemos praticar os atos. Despido dessa humilhação, cessará todo estado sacramental. Sem pobreza, mas com magnífico cortejo, sua Majestade nos havia de aniquilar e não haveria mais Amor, pois este só se manifesta ao abaixar-se (...)
Ah! Nada é tão belo quanto a Eucaristia. Mas só lhe compreendem a beleza as almas piedosas que comungam, que refletem. As outras nada entendem. Mui poucas pessoas pensam nas virtudes, na Vida, no estado de Nosso Senhor no Santíssimo Sacramento. Quantos o tratam qual estátua, acreditando que Ele está aí unicamente para nos perdoar e receber as nossas preces. Que ilusão! Nosso Senhor vive e opera. Fitemos nele o olhar, estudemo-Lo, imitemo-Lo.

Bendito e louvado seja o Santíssimo Sacramento da Eucaristia, fruto do ventre sagrado da Virgem Puríssima!


Deus Pai ajuntou todas as águas e denominou-as mar; reuniu todas as suas graças e chamou-as Maria


(São Luís de Montfort)




CONSAGRAÇÃO A MARIA SANTÍSSIMA

Ó Senhora minha, ó minha Mãe, eu me ofereço todo a Vós. E em prova da minha devoção para convosco Vos consagro, neste dia, os meus olhos, os meus ouvidos, a minha boca, o meu coração e inteiramente todo o meu ser. E porque assim sou vosso, ó incomparável Mãe, guardai-me, defendei-me como uma coisa e propriedade vossa. Amém.
INVOCAÇÕES À VIRGEM MARIA


(São João Eudes)

Ave Maria, Filha de Deus Pai.
Ave Maria, Mãe de Deus Filho.
Ave Maria, Esposa de Deus Espírito Santo.
Ave Maria, templo de toda a Divindade.
Ave Maria, alvíssimo lírio da Trindade, fulgurante e sempre sereno.
Ave Maria, rosa resplandecente de celestial amenidade.
Ave Maria, Virgem das Virgens, Virgem fiel, de quem quis nascer e de cujo leite quis Se amamentar o Rei dos Céus.
Ave Maria, Rainha dos Mártires, cuja alma foi traspassada pelo gládio da dor.
Ave Maria, Senhora do mundo, a quem foi dado todo poder no céu e na terra.
Ave Maria, Rainha do meu coração, Mãe, vida, doçura e esperança minha caríssima.
Ave Maria, Mãe amável.
Ave Maria, Mãe admirável.
Ave Maria, Mãe de misericórdia.
Ave Maria, cheia de graça, o Senhor é conVosco, bendita sois Vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus.
E bendito é vosso Esposo, São José.
E bendito é o vosso Pai, São Joaquim.
E bendita é a vossa Mãe, Santa Ana.
A bendito é São João, a quem fostes confiada ao pé da Cruz.
E bendito é o vosso Anjo, São Gabriel.
E bendito é o Eterno Padre, que Vos escolheu.
E bendito é o vosso Filho, que Vos amou.
E bendito é o Espírito Santo, que Vos esposou.
E benditos são eternamente os que Vos bendizem e crêem em Vós.

Maria, concebida sem pecado, rogai por nós, que recorremos a vós!




(Responsavel pela ediçao: Marcos V. Mattke)

2 comentários:

  1. Prezados amigos e irmãos em Cristo, contem com minhas orações para a continuidade deste santo combate em prol da verdadeira missa católica, livre de escândalos, danças profanas, palmas debochadas, teatros, campanhas de dízimo e tantas outras profanações. Seu irmão em Cristo, Marcelo Pimentel.

    ResponderExcluir
  2. Gosto muito deste site, muitas frases inspiradoras, lindos textos, um site único e exemplar. Que continue por muitos mais anos.

    ResponderExcluir