Busca no Blog

18 de janeiro de 2021

Milagres que Fez Santo Antônio depois da sua morte - Segunda Parte - Capítulo XXXIV

CAPÍTULO XXXIV

Como de Santo Antônio falou o abade de Vercelli em livro que escreveu, e de como ambos se estimavam no Senhor

No dia em que Santo Antônio passou desta a melhor vida, o abade de Vercelli, homem famoso e mui versado nas divinas Escrituras, estava em sua cela, sozinho, todo absorvido em pensamentos de Deus.

Ora Santo Antônio enquanto foi vivo, consagrou amizade singular ao dito abade, e um ao outro amiúde se edificavam conversando sobre as Santas Escrituras. E por isso o abade em livro que escreveu, assim falou do bem-aventurado Santo Antônio: “Frei Antônio da Ordem dos Frades Menores, iluminado da
divina graça, plenissimamente bebeu o sentido místico da Sagrada Teologia”.

Encontrando-se, pois, o abade recolhido em sua cela à hora em que o Santo se finou, eis que viu entrar, sozinho, ao servo de Deus seu amigo. Depois de mutuamente se saudarem, Santo Antônio logo acrescentou:

— Senhor abade, lá deixei em Pádua o meu burrinho e me vou numa pressa para a Pátria.

E, sem mais dizer, com muita familiaridade lhe tocou na garganta, a curá-lo da enfermidade que nela então sofria; e, saindo, desapareceu.

O abade, julgando ao servo de Deus de partida para Portugal, terra onde nascera, pois não sabia da sua morte, a fim de o deter uns momentos para santo conversar, levantou-se e veio atrás dele; mas já não o pôde apanhar. E por mais que perguntou aos servos do mosteiro onde estava Frei Antônio, todos responderam que não tinham visto ali o Frade nem sabiam onde estivesse.

Mas o abade é que teimava em que, havia instantes, o vira em sua cela, lhe ouvira tais e tais palavras e até fora por ele milagrosamente curado da enfermidade de garganta. E mandou logo ao eremitério da cidade onde os frades moravam, a ver se porventura ali o tinham visto.

E não achando novas dele, pôs-se a considerar em seu coração que certamente seu amigo Frei Antônio havia morrido e bem-aventuradamente subira à pátria celestial. E, tomando sentido no tempo em que tudo isto aconteceu, achou que, de verdade, o Santo havia passado desta a melhor vida naquela mesma hora em que o visitara. Glória a Jesus bendito. Amém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário