Busca no Blog

21 de junho de 2020

Uma Finíssima Delicadeza - Santa Terezinha

Sim, a pena mais amarga é a de não ser compreendida... Mas esta pena não será nunca a de Celina e de Teresa, jamais, porque os seus olhares vêem mais alto que a terra. Elas elevam-se acima das criaturas; quanto mais Jesus se esconde, mais sentem que Jesus está perto delas. Na sua finíssima delicadeza ele caminha na frente tirando as pedras do caminho, afastando as serpentes. Isso não é nada ainda, ele faz ressoar aos nosso ouvidos vozes amigas, essas vozes nos advertem que não caminhemos com excessiva segurança... E por quê? Não foi o próprio Jesus que traçou o nosso caminho? Não é ele que nos ilumina e se revela às nossas almas?... Tudo nos leva para ele: as flores que crescem à beira do caminho não seduzem os nossos corações; vemo-las, amamo-las porque elas nos falam de Jesus, do seu amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário