Busca no Blog

29 de março de 2020

Sou a Tua Filha - Santa Teresinha

Gostaria, ó Mãe, de cantar porque te amo! Porque teu coração tão doce meu coração faz vibrar! E porque o pensamento de tua grandeza suprema não pode o temor à minha alma inspirar. Se eu te contemplasse em tua glória que brilha, dos Bem-aventurados ultrapassando o esplendor, eu não poderia crer-me tua filha; perante ti meus olhos abaixaria com temor...
Compreendo que tua alma, ó Virgem imaculada, seja mais cara a Deus que o divino esplendor, eu compreendo que tua alma, vale humilde e ilibada, contenha meu Jesus, Oceano de amor!
Maria, tu o sabes, malgrado minha pequenez possuo como tu em mim o Onipotente. Não temo, porém, vendo minha fraqueza; o tesouro da Mãe pertence à filha, igualmente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário