Busca no Blog

21 de maio de 2019

Quando se levanta a Tempestade - Santa Teresinha

É a ti só, Jesus, que eu me apego, é tem teus braços que acorro e me escondo...
O teu coração que guarda e restitui a inocência, não poderá enganar minha confiança; em ti, Senhor, repousa minha esperança e após o exílio irei te ver no céu. Quando se levanta a tempestade ergo a cabeça para ti, Jesus, em teu olhar misericordioso eu leio: "Criança... para ti criei os céus!.

Nenhum comentário:

Postar um comentário