Busca no Blog

28 de maio de 2019

A Minha Vocação - Santa Teresinha

Considerando o corpo místico da Igreja, não me reconheci em nenhum dos membros descritos por São Paulo, ou melhor, queria identificar-me em todos eles... A caridade deu-me a chave de minha vocação. Compreendi que se a Igreja tinha corpo, composto de vários membros, não lhe faltava o mais necessário, o mais nobre de todos. Compreendi que se a Igreja tinha corpo, composto de vários membros, não lhe faltava o mais necessário, o mais nobre de todos. Compreendi que a Igreja tinha um coração e que esse coração era ardente de amor.
Compreendi que só o amor fazia os membros da Igreja atuarem e que, se o amor se extinguisse, os Apóstolos já não anunciaram o Evangelho e os Mártires se recusariam a derramar seu sangue... Compreendi que o AMOR ENCERRA TODAS AS VOCAÇÕES, QUE O AMOR É TUDO. QUE ABRAÇA TODOS OS TEMPOS E TODOS OS LUGARES... NUMA PALAVRA, QUE É ETERNO...

Nenhum comentário:

Postar um comentário